Da Toca II

Alisson Guimarães

O Cruzeiro Esporte Clube confirma que os atletas Robinho e Henrique sofreram lesões musculares na partida diante do Tombense, realizada no domingo, 19 de março, válida pelo Campeonato Mineiro.

Robinho sofreu uma lesão grau três no músculo posterior da coxa direita, enquanto Henrique lesionou o músculo adutor da coxa esquerda, contusão de grau dois.

Médico celeste, Dr. Sérgio Freire detalhou a situação dos dois jogadores e informou que os prazos para recuperação dependem de cada atleta.

“O Robinho sentiu uma fisgada muito forte, em um lance de rebote. De imediato, pediu a substituição. Avaliamos naquele momento e o reavaliamos nesta segunda. Foi feito um exame de ressonância magnética que mostrou uma lesão de grau três na musculatura posterior. Uma lesão importante que requer um tratamento um pouco mais prolongado. Temos a previsão de cerca de seis a oito semanas para que ele retorne às atividades”, informou.

“O Henrique, ao término do jogo, informou que sentiu uma dor em um movimento que ele fez, na região dos adutores da coxa esquerda. Também foi reavaliado e manteve-se um quadro de dor. Foi feita a ressonância magnética e constatou-se uma lesão menor que a do Robinho. Uma lesão grau dois, que também o tira de atividade pelo tempo de cicatrização, que leva em média de quatro a seis semanas”, completou.

Histórico

As duas lesões musculares dos atletas são as primeiras constatadas na temporada 2017 desde o início das disputas de jogos oficiais. Dos 14 jogos do Clube no ano, Robinho e Henrique participaram de 11 partidas até o momento.

O apertado calendário tem feito a comissão técnica celeste dosar as participações dos jogadores nas partidas, como são os casos de Robinho e Henrique.

Robinho foi poupado nas partidas contra Chapecoense (9 de fevereiro, pela Copa da Primeira Liga), URT (18 de fevereiro, pelo Campeonato Mineiro) e Murici (8 de março, pela Copa do Brasil).

Já Henrique foi preservado nos jogos diante do Tricordiano (5 de fevereiro, pelo Campeonato Mineiro), Chapecoense (9 de fevereiro, pela Copa da Primeira Liga) e Murici (15 de março, pela Copa do Brasil)

Site do Cruzeiro